Inbound Marketing

Se você quer se tornar um empreendedor de sucesso e alavancar sua marca em níveis exponenciais, deve investir o mais rápido possível em Inbound Marketing.

É um novo modelo de negócio que veio para ficar, em meio a um cenário extremamente competitivo, o que você precisa fazer é atrair seu público alvo com um conteúdo útil e relevante.

O Que é Inbound Marketing?

Você sabia que 80 a 90% das compras efetuadas com sucesso se iniciam antes com uma rápida pesquisa no Google? Isso significa que se você quer vender muito mais deverá estar na primeira página do Google senão facilmente será passado para trás.

O método Inbound Marketing, ou mais conhecido como o “novo marketing” foi criado em 2005 por Brian Halligan, CEO da Hubspot.

O Inbound Marketing nada mais é do que uma poderosa estratégia de atração. Brian descobriu que com ela sua empresa era encontrada facilmente pelos clientes e esse é o grande diferencial daquele “velho marketing”.

Agora não vendemos a qualquer custo, os clientes vêm até sua empresa, seu trabalho é garantir que seu conteúdo seja bom o suficiente para não ser esquecido e ser trocado pela concorrência.

Hoje ninguém mais gosta de ser incomodado com propagandas intrusivas, aliás com a grande evolução do mundo digital as escolhas estão em primeiro lugar.

Os consumidores escolhem o que querem ver, quando e onde querem ver. O poder da escolha está nas mãos do usuário e o mercado atual cada vez mais cheio de opções para ele.

Entende quanto a inovação é o ponto principal aqui? Inovação e relevância são as palavras-chave para o sucesso hoje em dia e certamente você só conseguirá isso através de estratégias de Inbound Marketing.

Com o Inbound Marketing não falamos diretamente de nosso produto ou serviço, nós primeiro entregamos valor ao público-alvo, marcamos presença onde nosso público está, fortalecemos nossa marca aí sim iremos falar de negócios.

É um ciclo poderoso que envolve entrega de conteúdo útil, um relacionamento respeitoso com o potencial cliente e uma conquista tão verdadeira e natural que o cliente se tornará amante e promotor de sua marca. Isso é Inbound Marketing.

Quais As Vantagens e Benefícios do Inbound Marketing Para Minha Empresa?

Como você pôde perceber acima, os consumidores querem ter referências, aprender mais, receber amostras, analisar depoimentos de quem já comprou um determinado produto e acima de tudo pesquisar muito bem antes de comprar um produto ou serviço.

Então se você quer começar a implementar estratégias de Inbound Marketing, saiba primeiramente que você estará lidando com um público extremamente exigente.

Outra coisa que você precisa saber é quais são os reais benefícios e vantagens que você terá com isso, veja só:

1 – Baixo Custo

Vamos começar com a maior vantagem que você terá ao optar pela metodologia Inbound.

O custo de investimento é 62% menor do que investimentos em métodos de Outbound Marketing, ou “velho marketing”. Já parou para pensar se você diminuir mais da metade do que gasta hoje em publicidades?

2 – Atrai Clientes Realmente Interessados

Sua empresa irá atrair possíveis clientes realmente interessados em seu produto ou serviço, justamente pelo valor agregado ao seu material gratuito.

Se você conseguir resolver um determinado problema do consumidor, provavelmente já ganhará um ponto extra, ele se cadastra pois se interessou em seu conteúdo, você ganhará a confiança deste cliente em potencial e a chance deste lead efetuar uma compra é de incríveis 95%.

3 – Aumenta a Visibilidade de Sua Marca

Quanto maior for a popularidade de sua marca, maiores serão seus números de vendas e retorno, isso é fato.

O Inbound Marketing possibilita que sua empresa esteja 100% focada no engajamento e presença nas redes sociais, que é onde seu público-alvo está.

Hoje mais do que nunca as empresas devem mostrar a cara em todas as redes sociais, a concorrência já está colocando isso em prática, então você também deve investir nas estratégias o mais rápido possível para garantir a permanência de sua empresa no mercado.

4 – Aumenta a Confiança Em Sua Marca

Com estratégias Inbound você terá maior autonomia em construir um relacionamento duradouro e respeitoso com seu cliente, desta maneira ele irá depositar muito mais confiança em sua marca e consequentemente irá comprar de você futuramente, já que a essa altura ele conhece completamente sua empresa.

Dados comprovam que você irá gastar 7 vezes mais ao tentar encontrar um novo cliente do que manter os clientes que já compraram de você e este é um diferencial que muitas pessoas não levam em conta.

5 – Maior Poder de Mensuração

Não há como negar que o Inbound Marketing é a única estratégia que lhe oferece todas as métricas que você precisa para analisar resultados. Assim você poderá saber o que realmente deu certo e o que precisa ser modificado ou removido da estratégia.

Sem contar que você tem o poder de direcionar o conteúdo exatamente para um público específico, o que aumenta ainda mais suas chances de vendas. As métricas já se iniciam logo no planejamento e tem um ciclo até chegar no momento da compra.

Você terá todos os dados de cada etapa e saberá em qual momento do ciclo teve problemas, então é só retomar o planejamento e iniciar um novo ciclo.

6 - Métricas Essenciais Para Sua Campanha De Inbound Marketing

Já vimos como o Inbound Marketing traz inúmeras possibilidades de obter dados mensuráveis. Agora vamos entender mais sobre quais métricas (KPIs) avaliar dentro de suas campanhas e qualquer estratégia de inbound, veja:

1 – Quantidade de Visitas

É um dos KPIs que devem ser avaliados constantemente, para isso você deve trabalhar muito bem seu conteúdo disponibilizado para gerar muito mais visitas orgânicas. As visitas orgânicas irão determinar o sucesso de seu conteúdo e consequentemente dar lugar a leads qualificados.

2 – Quantidade de Conversões

Assim como a quantidade de visitas, você deve estar por dentro de quantos leads você consegue converter através das visitas recebidas. Assim você poderá ajustar e testar novos modelos de conteúdo e analisar qual converte mais.

3 – Taxa de Rejeição

Outra métrica essencial, se seu público acessa seu site, mas não tem um tempo de permanência razoável e você altas taxas de rejeição, alguma coisa está errada. Analise seu conteúdo e o visual de seu site, ele está limpo o bastante? É responsivo? As informações são fáceis de serem recebidas?

4 – Taxa de Entrega e de Abertura de E-mails

Para uma estratégia de Inbound Marketing funcionar, você deve nutrir seus leads. Existe uma métrica para taxa de entrega e taxa de abertura de e-mails. Se eles não estão sendo entregues ou abertos como você esperava algo está errado e deve ser modificado, como título do e-mail ou o próprio conteúdo.

5 – Taxa de Conversão de E-mails

Se a taxa de abertura e entrega estão excelentes, você está fazendo um bom trabalho entregando conteúdo relevante para seu lead. A questão aqui é, estão convertendo? Uma métrica essencial para você analisar o sucesso de sua campanha.

6 - ROI

É o KPI fundamental para mensurar resultados de uma campanha. Você pode mensurar o ROI de cada canal que você gerencia ou também calcular o resultado como um todo. Normalmente conseguimos calcular o ROI de uma campanha através da seguinte fórmula: ROI = faturamentos – investimentos / investimentos.

Aqui está o segredo do sucesso todo da metodologia Inbound, é nesse ponto que você deverá investir muito mais para conseguir alcançar resultados positivos. Se você não manter um bom trabalho aqui, não espere milagres no final.

A metodologia Inbound Marketing possui basicamente 5 etapas poderosas: Atrair, Converter, Relacionar, Vender e Analisar. Ao longo deste e-book você verá como todas elas realmente precisam de uma abordagem diferente. Aí quando você compreender isso, todo o processo acabará se tornando automático naturalmente.

1 – Atrair

A primeira etapa do processo requer extrema atenção e cuidado com abordagem, pois aqui você receberá muitas visitas, são curiosos que apenas buscam conhecimento, e é seu trabalho entregar um excelente conteúdo para cativar a atenção destes visitantes.

A partir daqui você terá sucesso com conversões e posteriormente tudo isso se transformará em vendas lucrativas. Então para que tudo isso aconteça como você realmente deseja, você precisa trabalhar um pouco ao lado dessas ferramentas:

1.1 – Crie Um Blog

O blog é a maneira mais objetiva de você disseminar a palavra. Neste ponto você já deverá estar com sua persona pronta, você saberá com quem está falando para depois elaborar um planejamento infalível e atrair de fato este alvo.

E quando falo em planejamento infalível quer dizer que você não pode simplesmente criar um artigo que você acha legal e esperar que isso seja realmente atrativo.

1.2 – Faça Um Trabalho Impecável de SEO

O SEO é uma das ferramentas indispensáveis que você irá utilizar durante toda sua jornada. Agora você saberá exatamente o que aquele alvo da sua persona está buscando nas redes sociais, quer saber como?

Através do nosso querido amigo Google. Todos os dias existem milhares de buscas relacionadas a diversos problemas que um determinado usuário deseja resolver. E imagina só, você aparece na primeira página (sim, porque raramente as pessoas pulam para a segunda página) do Google lhe indicando X maneiras de resolver o problema dele.

Ele entrará em seu blog encontrará a solução e por “coincidência” encontrará outro artigo falando de como evitar que este problema apareça novamente. Resultado ele ficará um bom tempo em seu blog e certamente você ganhará uma nova conversão.

Isso é um trabalho bem feito de SEO, por isso se faz tão importante a parte do planejamento e reconhecimento de seu público-alvo. Dessa maneira não terá erro em criar um conteúdo realmente relevante e capaz de atrair muito mais tráfego de qualidade para seu blog.

1.3 – Trabalhe as Redes Sociais

O lema aqui é: “Esteja onde seu público-alvo está”. E onde mais se concentra nosso público hoje em dia? Nas redes sociais é onde tudo acontece, é onde você irá promover de fato sua marca e levar mais tráfego para seu blog. É onde também você encontrará relatos a respeito de sua concorrência e aí você pode fazer melhor.

Mas é claro que nas redes sociais também se faz necessário estratégias de abordagem e muito planejamento para cativar o público e deixá-los cada vez mais engajados com sua marca.

Mas aqui você deve ter um cuidado enorme em “não incomodar” as pessoas. Afinal, redes sociais são para interagir e também um momento de lazer para algumas pessoas. E certamente nenhuma delas quer ver propagandas a todo momento, concorda?

Então prepare um conteúdo mais interativo, mais pessoal e um conteúdo que seja mais fácil de consumir como fotos criativas e vídeos.

2 - Converter

Chegamos na segunda etapa do processo Inbound. Vale ressaltar que você dependerá totalmente do sucesso da primeira etapa para chegar na segunda.

Lembra que falamos da busca do visitante que queria encontrar solução para seu problema? Pois bem, ele te encontrou, gostou de seu conteúdo, porém você precisa de uma conversão para levar este visitante a prosseguir em seu processo de compra.

Todos seus artigos deverão ter um só caminho estratégico, o da conversão. Você precisa incitar uma ação para este visitante e veja como conseguir:

2.1 – Ofertas Atrativas

Seu visitante precisa receber algo em troca para lhe entregar algo de valor, que são seus dados.

Você pode criar ofertas diretas que são CTAs inseridos no meio do artigo ou no final que fará com que o visitante realize uma ação. Exemplo, “Faça seu Orçamento”, “Teste Gratuito”, “Assine Agora”, etc.

Ou também você pode criar ofertas indiretas que são consideradas as mais atrativas e que geram muito mais resultados nesta etapa do Inbound Marketing. Disponibilize para seus visitantes e-books completos relacionados a um tipo de problema, webinars que são muito mais interativos e também algumas ferramentas que poderão ajudar este usuário a facilitar sua vida.

2.2 – Landing Page

Você já disponibilizou conteúdo gratuito, webinar gratuito, porém é necessário mais uma coisa para que seu visitante se converta em lead. Seu blog precisa de uma landing page (página de captura) criada e planejada basicamente para realizar uma conversão infalível.

O trabalho começa quando você disponibiliza algo gratuito como e-book e newsletter. Os botões de CTA (call-to-action) deverão ser bastante atrativos e ter uma mensagem que convença o visitante a fazer o download ou a se inscrever.

Logo ele será direcionado para um formulário, que também deverá ser muito bem elaborado e atrativo afim de não perder a chance de conversão. Aqui você irá pedir algumas informações para entregar o conteúdo valioso a ele. A dica é nunca passar de 5 campos, pois o visitante poderá perder o interesse em preencher todas essas informações.

3 - Relacionar

Seu visitante acabou de se tornar um lead, e isso não significa que você já deve abordá-lo com uma oferta irresistível sobre seu produto ou serviço.

Muitas pessoas que entregam informações a você podem ser simplesmente curiosos ou pessoas que ainda não estão prontas para prosseguir no processo de compra.

E é justamente através da etapa relacionamento que você saberá quem são os curiosos e quem são os clientes em potencial. Use essas ferramentas para descobrir:

3.1 – E-mail Marketing

O e-mail marketing hoje é uma excelente ferramenta de nutrição de leads. Hoje para a maioria das pessoas o e-mail é um instrumento de trabalho. Dessa forma você conseguirá segmentar muito mais o seu público e identificar seus reais interesses.

Com o e-mail marketing você consegue também mensurar os resultados de suas campanhas e identificar o que deverá ser mudado para o próximo ciclo.

Você pode criar e-mails promocionais para seus leads, promovendo algum evento, um webinar ou algum lançamento novo. E também pode criar os e-mails de nutrição que são as newsletters. Aqui você enviará mais informação que o lead precisa sobre sua empresa e muito mais soluções para conquistar de vez seu lead.

3.2 – Automação de Marketing

A automação de marketing irá lhe ajudar muito a alavancar todo esse processo de segmentação de leads.

Com uma excelente ferramenta de automação de marketing, você poderá obter resultados escaláveis e saber qual o real interesse de seu lead, qual a taxa de abertura de e-mails e qual a taxa de cliques nos links de seus e-mails promocionais.

Assim você terá toda autonomia para manter seus e-mails em uma linha de qualidade surpreendente, podendo modificar o que não está dando certo e focar nas estratégias que realmente funcionam.

4 – Vender

Todo este trabalho do Inbound Marketing só tem um único objetivo real, gerar vendas sucessivas.

Com estratégias de Inbound Marketing você não precisa mais escolher seus melhores vendedores e manda-los para a missão de quem consegue realizar mais vendas ao final do dia.

O processo Inbound permite que o cliente em potencial procure seu vendedor muitas vezes já com 80% de decisão de compra. Ou seja, seu trabalho de nutrição de leads deve ser esclarecedor e efetivo para mostrar para o lead que seu produto ou serviço é a melhor escolha.

4.1 – Leads Scoring

Esta ferramenta irá lhe ajudar a pontuar ações de seu lead e assim descobrir quais são realmente suas oportunidades de negócio, que é onde você deverá focar.

O lead scoring trabalha em cima de dois fatores extremamente importantes para coletar essas informações:

  • Eixo de perfil: Analisa todas as informações e dados de seu lead e realiza uma comparação direta revelando oportunidades de negócio.
  • Eixo de interesse: Aqui o lead scoring faz uma varredura completa em todo processo comportamental de seu lead. Como ele se comporta diante de materiais gratuitos e também qual sua interação nas redes sociais.

Dessa maneira fica muito mais fácil segmentar seus leads e enviar para a equipe de vendas potenciais clientes reais que vale a pena focar mais e investir mais. Isso traz um ganho de produtividade incrível para seu time de vendas.

4.2 – Inbound Sales

É uma modalidade de vendas que trará a você maior redução de custos, produtividade e maior poder de mensurar resultados.

Seu time de vendas trabalha home office, agendando reuniões, planejando demonstrações ao vivo e estando de prontidão para fechar acordos. Esta ferramenta de vendas está cada vez se popularizando por ter um alto fator de economia e alavancar cada vez mais seu negócio.

5 – Avaliar

É o ponto principal de todo trabalho Inbound Marketing. Se você não avaliar resultados e analisar o que precisa ser modificado, tudo isso terá sido em vão.

Através das métricas que a metodologia Inbound lhe oferece é possível monitorar cada ação de seu público-alvo em relação as suas campanhas de marketing. Isso é uma das maiores vantagens para um empreendedor continuar com seu negócio a todo vapor. Veja quais ferramentas lhe possibilitam essas análises:

5.1 – Web Analytics

Realizando um cadastro no Google, você terá acesso a milhares de ferramentas necessárias para avaliar melhor os resultados de seu Inbound Marketing. A ferramenta Google Analytics possibilita avaliar a audiência de seu público, taxa de rejeição, duração das sessões, localização geográfica e muito mais dados exibidos em gráficos que poderão alavancar muito mais suas estratégias futuras.

5.2 – RD Station

O RD Station é uma ferramenta que possibilita analisar basicamente todos os resultados de suas ações de marketing. Assim como também disponibiliza métodos para automatizar suas ações de e-mails e processamento de base de dados.

Conclusão

O Inbound Marketing deu um salto incrível nestes últimos anos. A maioria das grandes empresas de sucesso aderiram ao novo estilo de marketing e se deram muito bem, alcançando números impressionantes e lucros sucessivos.

No Brasil essa metodologia é relativamente nova, o que significa que existe ainda mais novidades para entrar nesse meio lucrativo. Futuramente você poderá conseguir muito mais dados de seus leads. Dessa maneira será mais fácil montar estratégias específicas e direcionadas ao seu público.

O diferencial do Inbound é ter a possibilidade de manter um relacionamento respeitoso com seu lead, enviar informações sobre sua empresa e educa-lo através de materiais ricos de qualidade e valor.

A maior vantagem do Inbound Marketing é seu baixo investimento e maior ROI a longo prazo. Então não existe motivos para não investir nessa nova metodologia de resultados. Invista, seja encontrado e transforme estranhos em clientes!

Você, quer criar uma máquina de vendas escalável para sua empresa?